ONDAS
Feijoada do Cacau será no dia 21 de fevereiro- Sábado . aloha!!!

É uma festa que já entrou no calendário do nosso Estado, que vem gente das principais cidades de Santa Catarina, do Brasil e do exterior.



O Evento mais democrático da cidade o mais organizado.

A tradicional festa promovida por Cacau Menezes, colunista do Diário Catarinense e da RBS Tv, é freqüentada por um público de boa qualidade, que contará com um ponto exclusivo de venda de ingressos no Floripa shopping, um dos patrocinadoires do evento.

Vendas de ingressos

Terá início na próxima segunda-feira, 16/02, a venda das camisetas, aberta ao público e de 17 a 20/02 acontece a entrega delas para convidados e patrocinadores.

Horário
A venda das camisetas começa às 10h00 (horário de abertura do shopping) para quem chegar mais cedo, senhas serão distribuídas na área externa do Floripa Shopping - na entrada pela Rodovia Virgílio Várzea - exclusivamente.

No dia 16/2, próxima segunda-feira, uma estrutura montada no Floripa Shopping, receberá os milhares de interessados em comprar camisetas para a festa do Cacau, ao preço de R$ 120,00.

Local da Festa
A edição 2009 da Feijoada do Cacau acontece no sábado de carnaval, da 21 de fevereiro, no Canal da Barra da Lagoa. Com perfil itinerante, o evento acontece no mesmo espaço onde são realizadas as festas da tainha.

Durante a feijoada, o Floripa Shopping irá realizar uma ação com um grande tabuleiro onde as peças são os próprios convidados, para divertir e premiar os foliões com presentes de lojas do Floripa Shopping.

Venda de ingressos para a Feijoada do Cacau
Local: Floripa Shopping (ponto de venda exclusivo), a partir das 10h00 (senhas exclusivamente pela entrada da Rodovia Virgílio Várzea)
Vendas: Dia 16 de fevereiro
Preço: Camiseta a R$ 120,00 masculino e feminino.
Horário da festa: inicia 12:00 horas.






Vai Bombar... aloha!!!
 

 
Medina segue na frente para faturar título inédito na etapa final, em Pipeline

Mesmo saindo derrotado da terceira fase da etapa de Portugal do circuito mundial de surfe, o brasileiro Gabriel Medina continua com boas condições de conquistar um título inédito para o país na próxima etapa da temporada, no Havaí, que fecha o campeonato. Para se ter uma ideia da diferença de pontos que Medina tem para Kelly Slater, o atual segundo colocado do circuito, o brasileiro poderia ser campeão com um nono lugar em Pipeline, mesmo que o americano, onze vezes o melhor do mundo, fature a taça da etapa que fecha o ano, em dezembro.

Sabendo que está mais próximo do título do que os rivais, Medina terá alguns dias para relaxar ao lado da família e pensar no que vai fazer antes da etapa decisiva. "Esses momentos são difíceis, mas tenho de superar porque estou fazendo o que eu amo fazer, que é surfar. Sorte que a família está sempre do meu lado", afirmou. "Eu queria muito ter vencido aqui em Portugal, mas eu estou pronto para competir em Pipeline.

A princípio, Gabriel Medina vai permanecer em Portugal até quinta-feira, conforme já estava previsto, e só então vai retornar para o Brasil. Ele deverá desembarcar no Rio de Janeiro, onde cumprirá uma agenda com patrocinadores. Depois, de 3 a 9 de novembro, ele participa do Prime de Maresias, onde mora, em competição válida pela divisão de acesso. "Vou disputar essa competição", confirmou. Como o brasileiro não conquistou o título antecipado, ele também pretende partir antes para o Havaí, a fim de se aprimorar nos tubos de Pipeline, na North Shore da ilha de Oahu.

"Agora vou tentar ir para o Havaí o mais cedo possível para treinar e tomar uns caldos", brincou, fazendo referência ao grau de dificuldade da mais lendária praia do circuito de surfe. A etapa havaiana acontece de 8 a 20 de dezembro e Medina pode sair dela como o primeiro brasileiro campeão mundial na elite do surfe. "Vai dar tudo certo, se Deus quiser. Minha fé é a última que morre." Com as eliminações de Medina e Slater em Peniche, o australiano Mick Fanning, o havaiano John John Florence e o taitiano Michel Bourez podem entrar na briga pelo título, dependendo dos resultados que conseguirem em Portugal.


 

 
Mick Fanning vence WCT de Portugal, ultrapassa Slater e encosta em Medina. aloha





John John Florence perde para Jordy Smith e está fora da briga pelo título mundial; Adriano de Souza e Filipe Toledo ficam em quinto.




Depois de arrancar duas notas 10 no Moche Rip Curl Pro Portugal, o havaiano John John Florence não resistiu ao sul-africano Jordy Smith e está fora da briga pelo título mundial da temporada.

Forte candidato ao título do Pipe Masters, palco da última etapa, John John precisava chegar à final em Supertubos para continuar vivo na disputa pela taça.

Com dois bons tubos logo nos primeiros minutos da semifinal, Jordy frustrou as pretensões do havaiano, que não conseguiu esboçar reação nas ondas portuguesas.

O sul-africano era freguês de John John no WCT, mas quebrou o tabu ao vencê-lo na final em Trestles (EUA).

Agora, os únicos atletas que podem tirar o título de Gabriel Medina são Kelly Slater e Mick Fanning. Slater já está fora em Portugal e vai precisar vencer a última etapa e torcer para o brasileiro não passar pela terceira fase em Pipe.

Já Fanning está na decisão em Portugal e pode diminuir bastante a vantagem de Medina se vencer esta etapa. O australiano já ultrapassou Kelly Slater com este resultado. Se ficar em segundo, sai de Portugal com 51.100 pontos. Caso vença, chega aos 53.100, ficando a 3.450 pontos do brasileiro.

Antes de barrar Kai Otton na semi por 13.17 a 7.00 pontos, Fanning passou pelo brazuca Filipe Toledo nas quartas. Bem encaixado nos tubos, o aussie somou notas 6.50 e 9.57, contra 6.57 e 3.53 de Filipinho.

Quem também parou nas quartas foi Adriano de Souza. Numa disputa acirrada e sem ondas muito expressivas, "Mineirinho" caiu diante de Jordy Smith pelo placar de 12.27 a 12.23.
 

 
 
[2014-10-20] - Medina segue na frente para faturar título inédito na etapa final, em Pipeline
[2014-10-20] - Mick Fanning vence WCT de Portugal, ultrapassa Slater e encosta em Medina. aloha
[2014-10-20] - Mick Fanning ganhou com o Moche Rip Curl Pro Portugal - aloha
[2014-10-17] - Kelly Slater impressiona e volta um 540º inédito durante treino em Peniche. aloha
[2014-10-14] - Portugal ao vivo acesse http://www.aspworldtour.com/events/2014/mct/719/moche-rip-curl-pro-portugal/live
[2014-10-13] - Surfista de 20 anos pode se tornar o primeiro brasileiro campeão mundial nesta semana - mas lenda americana ainda não desistiu do 12º título de sua carreira
[2014-10-11] - Jadson André conquista pelo segundo ano consecutivo o Cascais Billabong Pro, etapa Prime do WQS em Portugal.
[2014-10-09] - Billabong Cascais Pro 2014 - Brasucas nas Ondas. aloha
[2014-10-07] - WQS Prime em Portugal. ao vivo www.tanaonda.com
[2014-10-07] - Linda como sempre, desta vez ela ataca de surfista. aloha